Busco o remédio que poem o alimento na mesa do miséravel


Certa noite em busca de meu remédio diário resolvi pegar um caminho mas rapido, subindo ao ponto mas alto de costas a pessoas generosas que vive nas encostas, observando lá do alto as luzes da cidade em ponto panorâmido.
Será que la embaixo aonde as luzes brilhão, o povo bem vida pensa nessas familias?
Eu não moro ali, também não vivo ali, mas ali o meu produto sempre a conseguir, familia se alimentão do que eu compro ali, crianças bebem leite do que eu compro ali.
A lei não as defendem, nem da educação, feliz de um miséravel que consiga formação.
Será que lá embaixo um dia eles veram, que todos lá encima também são cidadãos que precisa de atenção.

P.S.A.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: