Ilegalmente endofinado em relatos empoeirados


Por um só momento percebo o quando preciso,
O que chamam de veneno,
Para mim? Não passa de uma simples abertura,
Para um mundo? absurdo,
Ou simplesmente, medo de entender,
Mas para mim não importa o preço pago,
Sempre eu terei na vontade, abstinencia ou oportunidade.
Soltem seus olhares,
Por dentro, palavras ensaiadas,
Mas uma vez eu faço por vontade e sem medo errar,
Minha mente esta alta,
Enchergando o que eles tem medo enfrentar.

P.S.A

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: